Hemp Beauty: produtos de beleza produzidos com maconha

A legalização da maconha pelo mundo está afetando positivamente diversos negócios, como é o caso do mercado de beleza que já possui inúmeros itens que levam a erva em sua composição. 

Os benefícios terapêuticos da maconha já são conhecidos há alguns anos: amenizar crises epiléticas, auxiliar nos tratamentos de pacientes com câncer e aliviar a dor de pessoas com enxaqueca severa são alguns deles. Agora, as pesquisas mostraram que o óleo extraído da planta também tem alto efeito antioxidante e anti-inflamatório – tornando-a uma excelente candidata para ser o ativo do futuro nos cremes de cuidados com a pele.

O novo “it” ingrediente do momento é a marijuana! A recente legalização da maconha em diferentes lugares do mundo se tornou um dos mais criativos e lucrativos business do planeta. E, acredite, essa tendência chegou com força ao universo da beleza! Novas (e pequenas) labels descobriram os benefícios do óleo de CBD — o canabidiol — e do cânhamo.

Estudos recentes comprovam que o CBD tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias – e pode ser visto como a próxima tendência em novos produtos para a hidratação da pele.

Já o cânhamo é uma variedade de cannabis que não causa efeitos psicoativos, porque contém menos de 0,3 por cento de tetrahidrocanabinol (THC), o componente que “dá barato”. Por isso, o ativo é usado com frequência em cosméticos e produtos medicinais. Benefícios do ativo

Flores, folhas, talos e até raízes podem ser usados para extrair o CBD da cannabis. Algumas marcas de cosméticos, no entanto, optam por extrair o óleo da semente do cânhamo. Além dos ômegas 3, 6 e 9, o óleo da semente é especialmente bom para hidratar a pele ressecada. Ele regula a produção de sebo e reduz a perda de água pela epiderme, funcionando como uma armadura e protegendo contra as agressões do meio ambiente.

Nos EUA e na Europa cremes com CBD em sua composição têm sido usados para tratar desde picadas de mosquito até alergias, acne e envelhecimento. O óleo de canabidiol é conhecido pelos antioxidantes, gorduras ômegas e benefícios anti-inflamatórios. Tudo isso pode ser usado para melhorar a pele irritada, desidratada ou em processo de envelhecimento.

Gigantes do mercado como a Sephora dos EUANeiman Marcus e Barneys New York estão apostando nos produtos que levam CBD ou cânhamo na fórmula. Isso quer dizer que a cabeça do consumidor americano está mudando – o lado pejorativo da maconha fica de lado, e ajuda o fato dos itens geralmente terem uma pegada orgânica e mais sustentável. A Barneys inclusive anunciou que vai lançar em março um espaço de 300 m² em Beverly Hills dedicado especialmente a cosméticos com CBD e acessórios pro uso da erva! A loja vai chamar The High Ende, apesar de não vender a maconha em si, conta com uma parceria com a Beboe e com o tatuador Scott Campbell em uma edição limitada de vaporizador e pastilhas!

Alguns sites especializados no assunto foram lançados recentemente e querem se tornar a “Sephora do CBD”, como o Miss Grass, o White Label CBD Market e o Fleur Marché!

Benefícios da cannabis no skincare

O CBD é um antioxidante com vitaminas A, D e E, que ajuda a neutralizar os efeitos oxidantes causados pelo stress, pela poluição e pelos raios UV, além de ter efeito analgésico, sendo capaz de aliviar dores. Tudo isso, sem falar do poderanti-inflamatório dele, o que tem despertado um interesse especial do mercado de beauté.

As inflamações são uma das maiores questões na dermatologia, porque são responsáveis, entre outros fatores, pela acne. Um estudo de 2014, publicado no Instituto Nacional de Saúde norte-americano, levantou que o CBD consegue regular a produção de óleo e de glândulas sebáceas no organismo humano.

Esta seria uma possível saída para quem sofre com espinhas hoje e só consegue tratar a condição com isotretinoína e espironolactona. Enquanto que estas opções de nomes complicadinhos são esteroides, o CBD não é. Claro que muitas outras pesquisas ainda estão por vir, mas é inegável que o interesse na plantinha só aumente!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.